A ABCD e outras 99 organizações acabam de ser reconhecidas como as melhores ONGs do Brasil. Trata-se da primeira edição da #melhoresOngs e é uma iniciativa do Instituto Doar e da Revista Época. Foram mais de 1500 inscrições, são mais de 300 mil ONGs no Brasil. Entre associações de caridade, organizações da sociedade civil, institutos e fundações filantrópicas, estar entre as 100 é sinal de competência.

As organizações filantrópicas nunca aparecem na mídia a não ser para dizer de suas dificuldades ou de casos isolados de desvios de recursos públicos. Acontece que a ampla maioria das organizações faz um trabalho sério e estava na hora de reconhecê-lo, premiando a gestão e transparência das melhores. Para o Instituto Doar, que valoriza os bons exemplos através de um Selo de Qualidade chegou a hora de criar um estímulo para as ONGs e uma vitrine para os potenciais doadores se decidirem a doar. ONGs exemplares merecem o reconhecimento e o dinheiro de doadores conscientes. É esse o objetivo do Prêmio Melhores ONGs.

Criada em 2000, a ABCD Nossa Casa nasceu como uma sociedade sem fins lucrativos, com o objetivo de promover, por meio da educação de qualidade, o desenvolvimento sociocultural de crianças e adolescentes visando sua integração total na sociedade. Acreditando que a educação é um elemento vital na vida das pessoas, por isso os projetos garantem que as habilidades e características exigidas pela sociedade sejam desenvolvidas para transformar jovens em excelentes profissionais e cidadãos preparados.

O objetivo é que não só estas primeiras 100, mas o maior número possível de ONGs, entre as mais de 300 mil existentes neste país, possam, através desta parceria do Instituto Doar com a Revista Época, estabelecer padrões para a melhoria contínua. Aumentam sua legitimidade e reputação e aumentam os recursos de doadores para elas.

Processos administrativos, contábeis, financeiros, de comunicação, são verificados. Recomenda-se que sejam públicos e transparentes, já que os recursos são provenientes de doações e patrocínios e se espera o melhor uso desse dinheiro. Metodologias, pedagogias e procedimentos de cada ONG com seus públicos não podem nem devem ser comparáveis nem muito menos ranqueados. Mas a gestão e a transparência dos recursos, sim.

É hora de valorizar o que é nosso e apoiar a ABCD Nossa Casa.